Entenda mais sobre a Síndrome Urológica Felina

O trato urinário dos gatinhos é um assunto muito comentado e pode gerar algumas dúvidas, principalmente sobre as doenças que mais prejudicam o animal

Você provavelmente já ouviu falar que os gatinhos podem ter alguns problemas no trato urinário, certo? Pois é, essa adversidade é muito comum nos animais e a Síndrome Urológica Felina (SUF) é uma das doenças mais perigosas.

É preciso ficar atento aos sinais, possíveis causas e tratar do animal o quanto antes para que a SUF não se torne tão letal, afinal, ela é capaz de comprometer a saúde do animal em poucos dias.

A Síndrome Urológica Felina

Como você já pode perceber, a SUF é uma doença que pode ser bastante perigosa caso não seja tratada com a devida rapidez. Se os sintomas forem ignorados, o animal pode desenvolver um quadro de insuficiência renal que pode levá-lo à morte.

Existem alguns sinais mais claros que você perceber rapidamente, como: dificuldade de urinar, dor ao urinar e sangue na urina. Além disso, a mudança de comportamento do animal, como agressividade, tendência a se esconder o dia todo e urinar em locais inapropriados, são alguns dos sinais mais comuns.

Quais são as principais causas?

Antes de mais nada, precisamos dizer que essa síndrome é mais comum em machos e em gatos com idade mais avançada. Porém, isso não elimina a possibilidade das fêmeas desenvolverem este problema.

O motivo dos machos terem uma predisposição maior se dá em função do formato de sua uretra, que é mais longa e fina que a das fêmeas, formando cálculos renais com mais facilidade.

A Síndrome Urológica Felina conta com alguns fatores que aumentam os riscos do seu aparecimento, como a falta de atividades físicas, obesidade, alimentação muito seca e falta de hidratação constante.

Além disso, estresse, tumores, bactérias e vírus também são considerados fatores que facilitam o surgimento da SUF nos bichanos.

Por isso, a melhor forma de prevenir o seu felino de desenvolver a SUF é, além da vacinação, providenciar uma alimentação balanceada, incentivar o animal a se exercitar e estimular a hidratação de todas as formas possíveis.

Os principais sintomas da SUF

Anteriormente falamos dos sintomas mais comuns da Síndrome Urológica Felina, mas é importante conhecer a maioria deles, pois são muito característicos e causam problemas na saúde do animal. Esses sintomas são:

– Urina frequente e em pouca quantidade;

– Dificuldade ao urinar;

– Dor ao urinar;

– Urinar em locais inapropriados;

– Dor e desconforto na região abdominal;

– Hematúria: vestígios de sangue na urina;

– Falta de apetite;

– Vômitos;

– Depressão;

– Anúria: o animal para de urinar por completo.

Vale ressaltar que a mudança de comportamento, assim como a presença de sangue na urina, são os sintomas mais notados pelos donos de gatos que desenvolveram esta síndrome.

Existe tratamento?

Devido às diversas causas para a SUF, o seu tratamento também pode variar. Contudo, a primeira providência para tratar o problema é retirar a urina presa na bexiga do animal, e isso pode ser feito com o uso de uma sonda uretral ou, em casos mais graves, com cirurgia.

Porém, antibióticos e anti-inflamatórios podem ajudar no tratamento e prevenção da Síndrome Urológica Felina, principalmente o FusFelis, produto homeopático indicado especialmente para o tratamento de doenças do trato urinário em gatos.

A Farmácia de Bicho, a maior farmácia veterinária online do Brasil, possui o FusFelis na versão de 30 ml para você cuidar do seu melhor amigo. Acesse nosso site e compre já o seu! 

Vale lembrar que somente um médico veterinário é capaz de diagnosticar corretamente o animal e indicar o melhor tratamento para a SUF. Portanto, em caso de algum sinal da doença, leve o bichano para uma clínica veterinária.

 

Autor: farmaciadebicho

Somos uma Farmácia Veterinária Online, temos ampla linha de medicamentos e produtos veterinários com qualidade e procedência. O melhor preço e entrega rápida em todo o Brasil. Compre Online www.FarmaciadeBicho.com.br

Compartilhe este post

Enviar o Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Desenvolvido por

Gostando do conteúdo?

Compartilhe nosso blog com seus amigos!