Cuidados com seu pet no inverno
Maio22

Cuidados com seu pet no inverno

Sem os cuidados corretos, seu bichinho pode sofrer com doenças respiratórias, osteoarticulares e oculares. Saiba quais são as medidas necessárias para o inverno   Os bichinhos sofrem no inverno tanto quanto nós, seres humanos. A mudança causada pela queda de temperatura e diminuição na umidade podem afetar, e muito, seu pet. Disfunções respiratórias, osteoarticulares e oculares podem acontecer, desenvolvendo sintomas como febre, tosses, espirros e secreção nasal. Devemos sempre apostar na prevenção, a fim de evitar que doenças cheguem ao seu bichinho. Confira algumas dicas de cuidados com seu pet no inverno!   5 dicas para cuidar do seu bichinho no inverno Proteção Os animais devem ficar longe do vento e da chuva! Logo, providencie casinhas, cobertas e roupas de frio para este período. Na hora dos passeios, além de vestir os animais (principalmente os magros e de pelo curto, como pinscher ou teckel), opte por locais que não sejam expostos ao vento e à chuva. Além disso, o pelo é uma proteção natural do bichinho contra mudanças bruscas de temperatura. Neste período, evite tosar seu pet, pois a pelagem longa é um dos itens que mais protegem seu animal.   Vacinas Para animais domésticos, as pneumonias bacterianas são extremamente comuns no inverno. Logo, as vacinas devem estar em dia, evitando passeios em locais com muitos animais! Além disso, é comum a contração de traqueobronquite infecciosa canina, conhecida também como tosse dos canis. Esta doença é altamente contagiosa e perigosa, principalmente entre idosos e filhotes. Exercícios físicos Assim como nós, os animais tendem a demonstrar menos disposição para atividades físicas durante o inverno. Procure incentivar e estimular brincadeiras que o façam gastar a energia acumulada, além de dar passeios com pequenas corridas na hora mais quente do dia, evitando o início da manhã e o final da noite. Banhos Diminua a frequência dos banhos, optando por dias com temperatura mais amena. A água do banho deve ser morna e, logo depois, o bichinho deve secar-se totalmente, sem ficar exposto ao clima. Com esses pequenos cuidados, seu pet estará protegido do inverno, aguardando ansiosamente pelo amado...

Leia mais
Doenças respiratórias em cães e gatos – sintomas e dicas
jun04

Doenças respiratórias em cães e gatos – sintomas e dicas

Você sabia que cães e gatos também podem apresentar doenças respiratórias? No outono, os bichinhos de estimação tendem a ficar mais doentes, caso os proprietários não tomem os devidos cuidados com eles, principalmente porque é comum nessa época do ano o aumento de umidade, chuvas, baixas temperaturas e ainda muito vento. É muito importante manter a vacinação em dia, manter o pet protegido do frio e do vento, evitar dar banho em dias muito frios e evitar de passear com o animalzinho em dias chuvosos.    As principais vacinas que devem estar em dia são: Cães: Cinomose, Gripe Canina e Leptospirose; Gatos: Rinotraqueíte Viral Felina.   Os principais sinais e sintomas de cães e gatos com doenças respiratórias são: -espirros -tosse -corrimento nasal -corrimento ocular -perda de apetite -fica muito quietinho -tem dificuldade em engolir -apresenta febre -dor na região da cabeça -em muitas vezes, pode apresentar vômito, devido à garganta estar infeccionada.   As infecções mais comuns nessa época são: infecções de garganta, ouvido e pulmões e também alguns pets tendem a desenvolver alergias. Com as doenças respiratórias em cães e gatos, não se brinca, por isso percebeu algo estranho no seu bichinho, leve-o imediatamente ao médico veterinário. Geralmente o bichinho é tratado com antibióticos, analgésicos, antitérmicos e até inalação e somente o veterinário pode indicar o tratamento adequado. Nada de fazer a medicação por conta própria, isso é muito perigoso, porque pode agravar a doença do seu bichinho, levando à uma pneumonia. Cuide do seu animalzinho, porque quem ama, cuida!   Um abraço da Dra...

Leia mais
CondroPlex Stick’s – suplemento palatável para articulação
abr26

CondroPlex Stick’s – suplemento palatável para articulação

Inflamações nas articulações de cães e gatos são um problema comum, e em climas frios os sintomas podem se intensificar. Os suplementos alimentares para articulações são grandes aliados dos pets contra essas inflamações, mais conhecidas como artrite e artrose.   Conheça CondroPlex Stick’s Condroplex Stick’s da fabricante Avert é um suplemento alimentar a base de Condroitina e Glucosamina em bastões palatáveis, coadjuvante no tratamento de artrites, artroses, desgastes articulares em geral de cães.   Vantagens e Benefícios: Fácil de administrar, em formato de bastões altamente palatáveis; Redução da dor, diminuição da taxa de claudicação (animal mancando) e melhora dos níveis de glicosaminoglicanos nas cartilagens; Prevenção da degeneração articular em animais sadios que praticam atividades físicas constantemente; Fortalecimento articular, prevenindo futuras disfunções em filhotes em fase de crescimento, principalmente nas raças gigantes; Indicado para animais obesos, pois estes animais tem excesso de peso suportado pelas articulações, o que pode pode acelerar processos de degeneração; Em animais maduros ou sênior atuará com ação preventiva, diminuindo os riscos de ocorrências de lesões articulares ocasionadas pelo enfraquecimento das articulações, decorrente do avanço da idade do seu Pet.   Onde Comprar CondroPlex Stick’s Em nossa loja online Farmácia de Bicho.com você encontra CondroPlex Stick’s com o melhor preço e total segurança de compra! Além disso você não precisa nem sair de casa pois fazemos entregas em todo o Brasil! Temos o produto em duas apresentações, clique e confira: Condroplex 30 Stick’s LB Condroplex 45 Stick’s   Ficou com alguma dúvida? Deixe um...

Leia mais
Cuidados com os pets no Outono
mar27

Cuidados com os pets no Outono

Com a chegada do Outono, chegam também as temperaturas mais baixas, ventos e chuva. Os pets também sofrem com essas mudanças de clima e é normal que fiquem mais preguiçosos.   Cuidados com os pets no Outono Animais idosos e filhotes podem apresentar mais problemas respiratórios, por isso é importante manter a vacinação em dia.   Na hora do passeio, evite horários em que esteja muito frio e com ventos muito fortes, mesmo que o seu bichinho esteja com roupinhas. Os animaizinhos que tem problemas nas articulações, tendem a ter mais dificuldade ao andar devido ao frio, por isso é importante ficar atento nesses casos, e qualquer mudança de comportamento levá -lo ao veterinário.   Evite sair com o seu bichinho para passear na chuva, tome cuidado principalmente quando ele pisar em poças de água, que além de deixar as patinhas úmidas, ele pode se contaminar com a bactéria Leptospira.   Evite dar banho nos dias mais frios e chuvosos. O ideal é manter a vacinação do seu cão ou gatinho em dia e qualquer mudança de comportamento como diminuir a alimentação, apresentar tosse ou espirros, leve-o imediatamente ao médico veterinário!   Espero que tenham gostado das dicas e até a próxima!   Um abraço da Dra...

Leia mais
Desenvolvido por

Utilizamos cookies para melhorar nosso site e sua experiência de compra. Ao continuar navegando em nosso site, você está de acordo conforme nossa política quanto a utilização de cookies.